domingo, 29 de dezembro de 2013

Quem tem Fé


Depois de passar por tantas tempestades, não é qualquer ventinho bobo que vai me derrubar. Não é qualquer céu pintando de cinza que vai me impedir de ir à luta!
Eu sou feita de carne e osso, mas recheada de fé. E quem tem fé, não se abate, não desanima, não fica prostrado diante de qualquer circunstância da vida!

(Elliana Garcia)

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Inspiração


Na simplicidade do cotidiano encontro inspiração para os versos e para a vida.
(Elliana Garcia)

quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Refazendo o voo


Com a delicadeza de uma borboleta eu vou refazendo o meu voo. Eu não sei o que me encanta, porém eu me entrego e deixo a minha alma seguir o cheiro, o perfume os versos e tudo que a melodia do amor compartilha. O rompimento destes sentimentos nunca é fácil, mas a vida segue e recomeçar faz parte do universo.


Denise Portes

sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Meu mundo


Ainda bem que lá no fundinho do peito há uma passagem secreta para um mundo bonito e colorido....onde me refugio quando a dureza da realidade tenta roubar meus sonhos.
Quando entro nesse mundo...eu reviso meus projetos, renovo as minhas forças, encho o meu peito de alegria e fé...E quando retorno, já sou outra. Pronta... para enfrentar a realidade outra vez.
(Elliana Garcia)

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Ter fé

E quando obstáculos surgem no meu caminho...a minha alma exercita a sua melhor especialidade: Ter fé!


(Elliana Garcia

terça-feira, 15 de outubro de 2013

Levantando


Aprendi a ser forte nas fragilidades, aprendi a buscar alegria na minha própria companhia, a reencontrar a minha fé quando percebi que ela era tudo que eu precisava para voltar a sonhar e acredita.Não importa o quanto as coisas sejam difíceis, você sempre precisa encontrar uma maneira de se reerguer.

(Taci Goes)

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

A gente precisa de esperança




Mais do que força, persistência, a gente precisa de esperança para dar cada passo. Ela nos faz acreditar que o que tem lá na frente é bem melhor e que vale a pena prosseguir, ir adiante! A esperança minha gente... é indispensável na caminhada da vida. Que ela seja sempre... A nossa companheira de viagem!
(Elliana Garcia)

Teu olhar


E eu...que vivo das palavras, nem precisei delas. Criei um novo mundo... apenas com o teu olhar!
(Elliana Garcia)

domingo, 15 de setembro de 2013

Procuro


"Eu só queria dentro de um mundo com tanta gente, ter o imenso prazer de, pelo menos à alguém dizer: por ti vale todo meu viver..."

(Cora Coralina)

sábado, 31 de agosto de 2013

Gente do Bem


Tem gente que planta amor em nosso coração. Que faz desabrochar sorrisos em nosso rosto. Que aduba os nossos sonhos com otimismo. Colore os nossos olhos de esperança e rega a nossa vida com gotas de felicidade.

(Elliana Garcia)

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

Borboleta


 
Hoje eu acordei borboleta. Vontade de voar, voar e só pousar em flor!
(Elliana Garcia)

Voltei a florir


...A dor era grande, mas a vontade de ser feliz era bem maior. E assim, eu que gostava de ser flor, me esqueci de toda a dor e voltei a florir!

(Elliana Garcia)

sábado, 17 de agosto de 2013

Seguindo em Frente


Quando a gente deixa de ser vítima das circunstâncias, se reveste de coragem, determinação e decide reescrever a própria história, não há obstáculo que nos impeça de seguir em frente!



(Elliana Garcia)

 

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Felicidade


Coisa boa esse sorriso que enfeita o rosto... Quando a felicidade faz cócegas na alma.
 

(Elliana Garcia)

sábado, 3 de agosto de 2013

A cor do meu mundo


Tem dias que a previsão do tempo não é das melhores. Tudo aparece estagnado e eu me escondo na companhia da  tristeza e  dou vazão ás lágrimas represadas por tantos dissabores.
Mas logo volto ao meu mundo. Volto ao meu normal.
Ah! Como eu gosto quando o recomeço me estende a mão e a vida volta a fluir. Quando abro a porta pra alegria que está voltando pra casa. Quando os dias cinzentos vão embora e tudo volta a ter a cor dos meus sonhos.

Gosto quando a simplicidade dá o tom de encantamento aos meus dias e a felicidade chega de mansinho e toma o seu lugar cativo em meu coração! Gosto de ver a minha alma esticando o pezinho e começando a dançar mesmo sem canção.
A esperança também chega aquecendo tudo dentro de mim. Eu abro a boca num sorriso e penso: Que bom que eu não desisti de ser feliz!

(Elliana Garcia)

domingo, 28 de julho de 2013

Essência


Eu quero ter olhos calmos. Coração sereno. Sorriso brando, gestos que acolhem. Que eu não seja indiferente. Mas diferente. Que nesse mundo tão cheio de pressa, que eu desacelere o passo. Que admire o caminho, sabendo que independe da velocidade, estou seguindo.
Que nesse mundo cheio de etiquetas caras, de marcas descartáveis, onde o ter tem mais valor que o ser, que eu não perca a minha essência, a minha simplicidade, a minha alegria de viver!

(Elliana Garcia)

sexta-feira, 26 de julho de 2013

Eternos momentos



Vontade de eternizar certos momentos...Pra não deixar  o tempo... Desbotar as boas lembranças.

(Elliana Garcia)

terça-feira, 23 de julho de 2013

A garota do meu ser




Tem uma garota maravilhosa morando dentro do meu ser. Para ela, não importa o calendário, quantos anos já vivi. As decepções que sofri, ou as lágrimas que derramei.
Ela não quer saber do passado, mas, do agora e do melhor que está por vir!
Essa garota é obstinada e nunca se intimida diante dos “nãos”.
Essa garota todo dia se veste de esperança e vive plantando sonhos no meu coração!

Elliana Garcia
 

 

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Simplicidade




A gente num carece de muita coisa pra ser feliz, dona moça! A gente só carece de um bom oiar, que é pra enxergar a beleza, num sabe?
-E se o que tiver diante dos olhos não for bonito? – pergunta a moça!
-É por isso que a gente carece desse bom oiar dona moça, pra enxergar beleza onde num tem!

(Elliana Garcia)

sábado, 20 de julho de 2013

Em busca da felicidade



 



Mesmo com o coração machucado, os joelhos ralados pelos tombos da vida, ela não esmoreceu. Levantou a cabeça, olhou pra frente, desenhou no rosto o seu maior sorriso e saiu em busca da felicidade!

(Elliana Garcia)

 

sexta-feira, 19 de julho de 2013

domingo, 14 de julho de 2013

Sentido da vida



A esperança realça meus sonhos, borda meu cotidiano e me faz acreditar... Pois, a vida faz sentido...quando a gente começa a sonhar!

Elliana Garcia

terça-feira, 9 de julho de 2013

A dor virou poesia


 
Você foi embora. E deixou a saudade no lugar da presença. Deixou a dor onde antes havia só amor. Deixou a tristeza ocupando o lugar da alegria.
O que era para sempre chegou ao fim.

E tudo perdeu a cor. Ficou opaco.

Meus olhos ficaram umedecidos pelo que vivi e não ia mais viver...Pelo que poderia ter sido e não foi.

Por aqui restou lágrimas, dor e sofrimento. E um coração que antes batia cheio de expectativas e sonhos, agora vive batendo no ritmo da saudade.

Ah! Se tudo pudesse ser como eu sonhei...mas não foi... Você colocou um ponto final em nossa história e saiu da minha vida.
Mas, eu resolvi transformar toda a dor e sofrimento em poesia.

E foi assim...apesar dos pesares que eu descobri...que esse amor que pra você expirou...me inspirou!

(Elliana Garcia)

domingo, 7 de julho de 2013

Dia de sol

 E depois de dias cinzentos, o sol voltou a despontar no horizonte. As nuvens se dissiparam e o céu colorido de azul fez brotar a esperança em minha alma!

A natureza tem seus ciclos que são respeitados sabiamente. O sol sabe a hora de se retirar pra dar lugar à chuva ou aos dias nublados, mas sabe também que a sua reclusão não pode ser pra sempre. Muitas vezes ele aparece tímido entre nuvens pesadas e com insistência, manda essas nuvens embora e  ressurge lindo e majestoso.

Ele sabe que precisa despontar no horizonte. Pois, há pássaros esperando o seu brilho para cantar mais bonito. Há flores esperando o seu calor para desabrochar com mais vivacidade. E há pessoas que simplesmente abrem um sorriso só de vê-lo surgir no céu!
Que assim como o sol, a gente aprenda que a nossa vida também têm seus ciclos. Que muitas vezes precisamos nos retirar de cena, mas não podemos ficar reclusos para sempre. Precisamos insistir. Afastar as nuvens cinzentas e desempenhar o nosso papel nesse mundo.

E a nossa principal missão por aqui é ser feliz!

 

(Elliana Garcia)

domingo, 30 de junho de 2013

Tantas esperanças




Que eu nunca perca essa mania... de carregar no peito... tantas esperanças.

Elliana Garcia

terça-feira, 18 de junho de 2013

Essência da vida




Quero viver enquanto estiver acesa, em mim,

a capacidade de me comover diante da beleza.

Essa capacidade de sentir alegria é a essência da vida."

Rubem Alves

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Cheirinho de esperança




 
Muitas vezes a gente precisa parar, quando cai. Cuidar dos ferimentos, curtir a dor até o fim... Para só então, levantar e continuar, mesmo com as cicatrizes tatuadas na pele e na alma!

É o que eu sempre faço depois de algum tropeço na vida! Mas assim como eu paro, eu também recomeço. E nesse momento estou assim, prosseguindo!

E enquanto vou adiante, sinto uma leve brisa soprando os meus cabelos. Um ventinho de outono batendo no rosto.  As lágrimas de tristeza já secaram. Não só no rosto, mas também no peito!

Agora que o recomeço, mais uma vez faz parte da minha jornada, eu respiro fundo e abro um sorriso. Sinto um cheirinho de esperança no ar.

E meu coração dança dentro do peito...Ele está certo de que coisas boas estão vindo. E que depois de tanto sofrer, tá na hora de recomeçar. Tá na hora de ser feliz de novo!

 

Elliana Garcia

terça-feira, 14 de maio de 2013

Depois da Tempestade



Como é bom voltar a ver o sol brilhar depois de uma tempestade. Sentir a chama da esperança aquecendo o coração.E um intenso brilho no olhar que ilumina não somente o rosto, mas também os passos!

 
Depois de um tempo infértil, onde não visualizamos nada promissor, como é bom ver um novo mundo se descortinando à nossa frente e sentir o peito bater no compasso de coisas boas. Uma nova etapa. Uma nova oportunidade. Alguns sonhos nascendo e outros renascendo.

Ninguém gosta de enfrentar tormentas, mas quando tudo passa e a esperança volta a da o ar de sua graça inebriando todos os nossos sentidos e colorindo os nossos dias, a gente até se sente grato por tudo que passou e começa a curtir a calmaria que só é possível, depois de passar pela tempestade!

 

Elliana Garcia

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Jornada da Vida


Levantar depois de cada tombo. Deixar aflorar um sorriso, mesmo em meio às lágrimas. Da dor, tirar lições e aprendizados e mesmo cansada não desanimar e seguir em frente!
A arte de não me acomodar diante de qualquer circunstância adversa, sim. Essa arte...eu domino!
Em vez de me atemorizar diante dos obstáculos, eu pinto um arco-íris no olhar, pego a esperança pela mão e sigo em frente. Persisto, mesmo sendo acompanhada pelo fracasso. E não desisto, mesmo que encare ventos contrários.
Eu acredito que as situações mudam, que nada permanece da mesma forma. Se hoje está ruim, amanhã vai melhorar. Mas eu preciso me movimentar!
Por isso, eu não quis ficar parada vendo o tempo passar. Optei por caminhar. E seguindo nesta jornada chamada vida, tenho a esperança como grande companheira.
 
Elliana Garcia
 
 

domingo, 28 de abril de 2013

Hora de ser feliz




E a felicidade passou pela minha porta e gritou: ei, para de chorar menina que agora é hora de ser feliz!

Elliana Garcia

 

quinta-feira, 11 de abril de 2013

Capitão de minha alma


Do fundo desta noite que persiste
Negra como um breu de ponta a ponta,
Eu agradeço, a quem forem os deuses
Por minha alma incansável.

Nas garras do destino e circunstâncias
Eu não fiz cara feia ou sequer gritei.
Sob as pauladas da sorte
Minha cabeça está sangrenta, mas não rebaixada.

Além deste oceano de lamúria,
Somente o Horror das trevas se divisa;
Porém o tempo, a consumir-se em fúria,
Não me amedronta, nem me martiriza.

Não importa o quão estreito seja o portão,
Nem por pesada a mão que o mundo espalma;
Eu sou o mestre de meu destino;
Eu sou o capitão de minha alma.




Poema de Autor: William E Henley
Um dos preferidos de Nelson Mandela e que foi citado duas vezes no filme Invictus.

quinta-feira, 4 de abril de 2013

Retalhos de nossa história



Cansei de juntar os retalhos de nossa história. Pequenos pedaços. Ora coloridos pela esperança, ora desbotados pela incerteza.

Não dá mais. Preciso colocar um ponto final, escrever e viver outras histórias. Mas não é fácil.

Aqui dentro do meu peito, há uma infinidade de palavras querendo virar poesia para dar um toque de cor a esse amor, que só teve começo, mas nenhuma premissa de  fim, pelo menos para mim.

Ah! Como é difícil dizer adeus, virar a página e embarcar em outra história quando a gente tem dentro do coração um sentimento tão forte, uma presença mesmo em forma de saudade e um monte de sonhos desbotados pela realidade, mas que a gente aprendeu a colorir com a ilusão de que um dia tudo pode dar certo e que o final possa ser feliz!

 

Elliana Garcia

 

quarta-feira, 27 de março de 2013

Meu mundo encantado



Meus pensamentos voam por aí. Dando suporte aos meus sonhos, movimentos ao pequeno mundo encantado que eu construí.

Mesmo que digam que é utopia, eu continuo dando retoques a esse meu mundo.

Por mais que haja tempestades, o sol da esperança desponta todos os dias. E à noite, há um céu cintilante de estrelas. E a lua, com toda a sua beleza e mistério dá o toque de encanto que preciso.

Apesar de tantas infelicidades e incertezas, o que importa é que o  meu mundo é pincelado com muitas cores. São cheios de fantasias é verdade, mas são essas fantasias que dão o tom especial, que bordam meu cotidiano e que me faz acreditar que viver não tem sentido se a gente não sonhar!

Vou vivendo assim...Reformando meu mundo. Alimentando os meus sonhos, colorindo os meus dias. Diante de tudo, meu coração suspira feliz. É que embalado por poesia e encantos, ele não consegue encontrar palavras para descrever tanta felicidade!

 

Elliana Garcia

sexta-feira, 22 de março de 2013

Silenciosas Lembranças



De que são feitos os dias?

 De pequenos desejos,

vagarosas saudades

e silenciosas lembranças.

 

Cecília Meireles

 

quinta-feira, 14 de março de 2013

Dia da poesia


 
Dia 14 de março é comemorado o dia da poesia! Mas para algumas pessoas, todo dia é dia de poesia.

Sim, por que a gente vê o mundo com outro olhar. Anda com os pés no chão, mas  com a cabeça lá...aonde mesmo? São tantos lugares que a gente vai numa fração de segundos que nos deixa com a sensação de que não somos deste mundo.

 A gente que ama poesia, seja escrevendo, sentindo ou apenas lendo, realça vários acontecimentos. Somos capazes de avistar uma flor pequena que a outros olhos passam despercebidos, a ver um barquinho de papel numa enxurrada, enquanto muitos reclamam da chuva.

Um grão de areia pode virar uma montanha ou não, depende do nosso dia de como está o nosso ser.

Na maioria das vezes caminhamos sonhando. E quando a vida real nos chama de volta e alguma dor machuca o coração, a gente sofre, esperneia, chora e depois pega esse dor e faz o que? Esquece? Não! A gente transforma em poesia.

 Pois é, a gente é assim. Vê graça na desgraça e mesmo com o mundo desabando, a gente alonga a esperança de que as coisas possam se transformar e ter um desfecho diferente.

A gente aprende a lidar com as adversidades. Enquanto para muitos a dor é incômoda, a gente aproveita esses momentos e transforma em aprendizado e crescimento e nunca vamos perder a oportunidade de pincelar as nossas história com as tintas da esperança e do amor.

 Somos assim.

 A vida pra gente é bem simples. Por que enxergamos além do que os nossos olhos podem ver. O dia raiando é um presente, a noite que chega trazendo a lua, o silêncio, uma música, um sorriso, um olhar, tudo isso pra gente não é em vão. É matéria-prima, pois, a gente pega essas coisas simples do cotidiano e transforma em combustível para alimentar a nossa alma.

 Feliz dia da Poesia!

Elliana Garcia

 

quarta-feira, 13 de março de 2013

Conquistando o Impossível


Eu sempre fui sonhadora. Sonhar era a minha única alternativa, já que olhar para a realidade era receber um caminhão pipa de água fria.
Tudo era impossível. Mas existia o sonho. Não pagava nada para sonhar, podia fazer o que eu quisesse, já que para a imaginação não existe fronteiras.
Mas era preciso também arregaçar as mangas e lutar pelo que eu queria! E eu lutei. Lutei muito e hoje posso dizer que o meu maior sonho foi realizado.
E qual a sensação de olhar para trás e ver que o seu maior obstáculo foi ultrapassado? Simplesmente maravilhoso!
Quando a gente se depara com a realização de um sonho, quando a gente sente o impossível se tornar possível, olhamos para nós mesmo e constatamos a nossa força!
Muitas vezes não nos damos conta do quanto somos fortes e tememos algo que possa acontecer. Mas quando a gente passa pelo olho do furacão e sobrevive, percebe que é mais forte do que imaginava e nada mais poderá nos deter!
Eu vivi isso em minha vida. O prazer de tocar o impossível até ele se mostrar concreto diante de mim.
O limite entre a fantasia e a realidade pode ser grande ou não. Tudo vai depender da nossa força e persistência.
Deus me deu asas e eu fiz o meu voo.
Por isso esse é o meu conselho. O conselho de alguém que transpôs barreiras consideradas instransponíveis: Não desista dos seus sonhos. Pois, se você persistir, um dia o seu coração vai sentir essa sensação que eu já senti e que não encontro palavras para descrever. O prazer de conquistar o que era considerado impossível.
 
Elliana Garcia

sábado, 2 de março de 2013

Potinho de esperança



O meu coração é assim.
Bate no ritmo da esperança.

Pode parecer até piegas para alguns, mas a fé e a esperança estão sempre comigo.

Muitas vezes as lutas são grandes. A tristeza bate à porta, o ser fica dolorido por tantos dissabores e cansada chego a achar que o fim da linha é no meio da jornada.

Mas aí, olho para o meu coração e abro um potinho de esperança!

Sim! Dentro do meu ser sempre tem um estoque de esperança que uso  nos momentos difíceis!

Já alimentada, me dou conta de que a aparente prostração  nada mais é do que uma parada para recuperar o fôlego. Para ter forças pra seguir adiante!

É a esperança que me ampara.

É a fé que me move!

 Elliana Garcia
 

Queridos, escrevi esse texto essa semana e vim compartilhar com vocês. Espero que gostem!

Bjs,

Lilli

 

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Do lado de cá


 
 

Queridos, ando um pouco relapsa com o blog. É que a vida do lado de cá tem sido intensa. Vivo disso, de escrever. E escrever não é fácil. Nem sempre as palavras fluem; nem sempre nossos sentimentos estão na mesma sintonia dos personagens. E quando isso acontece, o trabalho é redobrado.
Não é fácil pensar de formas tão diferentes. Sentir angústia, felicidade, raiva, tristeza, tudo isso em um só capítulo. São tantos personagens, tantas expectativas e lidar com todos eles muitas vezes nos deixa malucos. (risos)
Eu sou colaboradora de novelas e temos pouco tempo, menos de 24 horas para escrever 35 páginas, o que dá em média um capítulo. Mas ao mesmo tempo é prazeroso.
Tem dias que tudo corre bem. As palavras aparecem do nada. Em outros, só uma tela branca diante de mim e a pergunta: o que vou escrever?
Mas como nosso trabalho não depende só da inspiração e sim da dedicação é isso que tenho feito. Quando não estou fazendo esse trabalho, me dedico a outro que preciso entregar.
Assim que eu sair desse mergulho prometo voltar a escrever meus poemas, pensamentos e sentimentos.
Obrigada pela sua visita.
Lilli
 
 


Não tenha medo


quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Quero



Quero esquecer as tristezas... E só olhar para as belezas... Que vão surgir!

 

Elliana Garcia

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013



“Não importa se teu mundo tá caíndo aos pedaços. Quando você começa a ter mais fé, de alguma maneira linda a vida dá um jeito de ficar melhor.”



 Caio Fernando

sábado, 19 de janeiro de 2013

Olhar de Esperança





E quando a vida se mostra dura diante dos meus olhos, eu simplesmente retorno ao passado e me vejo de novo como uma criança que acreditava em tudo. Que via o mundo com o olhar  otimista, que saía caminhando  de mãos dadas com a esperança e que se debulhava em lágrimas apenas, quando tinha os joelhos ralados após algumas quedas! 

Quando eu era menina, toda vez que a realidade se mostrava atroz e alguma tristeza  assolava o meu coração, eu inventava um novo mundo, novas histórias e com as minhas fantasias seguia adiante, certa de que a qualquer momento algo mágico ia acontecer e que tudo de ruim ia se dissipar. E geralmente era isso que acontecia.

Hoje, sou adulta e quando as coisas não vão bem, eu simplesmente esqueço a idade, as regras, e volto a ter aquele olhar que sempre visualizava uma saída para qualquer beco da vida.
Diferente dos adultos as crianças acreditam e por acreditarem, algo mágico sempre acontece!

Elliana Garcia

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Menina


Menina que virou mulher,

amadurecendo os sonhos,

sem perder a fé.

 

(Patty Vicensotti)

quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Cores e Versos


Nem todos os dias são de céu azul para que as pipas coloridas possam enfeitar o firmamento. Porém são nos dias nublados e cinzas que as pipas podem mostrar as suas cores. É na dor e nos momentos sombrios que eu me encolho, me recolho e me fortaleço, para renascer em cores e versos.

Denise Portes

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Coisas Simples

 
Valorizando as pequenas coisas e fazendo delas um espetáculo para os olhos e para a alma.

domingo, 6 de janeiro de 2013

Abraço



E muitas vezes o que a gente precisa é de alguém que nos esconda em seu abraço e diga apenas: Vai ficar tudo bem!

Elliana Garcia